domingo, 7 de dezembro de 2008


Velho Menino-Deus que me vens ver
Quando o ano passou e as dores passaram:
Sim, pedi-te o brinquedo, e queria-o ter,
Mas quando as minhas dores o desejaram...

Agora, outras quimeras me tentaram
Em reinos onde tu não tens poder...
Outras mãos mentirosas me acenaram
A chamar, a mostrar e a prometer...

Vem, apesar de tudo, se queres vir.
Vem com neve nos ombros, a sorrir
A quem nunca doiraste a solidão...

Mas o brinquedo... quebra-o no caminho.
O que eu chorei por ele! Era de arminho
E batia-lhe dentro um coração...


Miguel Torga

38 comentários:

Isa disse...

Bom dia!Lindo o teu cantinho!Mesmo lindo! :):)
Obrigada por teres trazido Torga.Um
dos meus "amores".
Beijo.
isa.

gaivota disse...

miguel torga, mestre poeta, nas verdades desta quadra natalícia!
que venha, que vá chegando o natal carregado de chuva e de neve, e do tal brinquedo, ansiedade presente e própria das crianças, de todos nós, que esperamos o tal brinquedo que o pai natal nos vai oferecer,
ou o menino jesus!
feliz natal!
beijinhos grandes

MPS disse...

Cara Isabel

Mas que grandes mudanças - e como este espaço ficou ainda mais bonito!

Este poema de Torga é uma formidável interpelação a cada um de nós, se cada um de nós se vir como o Menino Jesus nele invocado.

Um abraço

elvira carvalho disse...

Está muito bonito o blog. Parabéns. E lindo o poema que eu não conhecia. E que me encheu de saudade dum certo amigo.
Um abraço e brinque muito. Aqui está um tempo horrível de chuva e vento.

Isa disse...

É verdade o k disseste.A brincar digo k com tantas "estórias" ñ preciso de falar dos outros.No mau sentido,claro.Gosto de falar bem dos e com os outros.
Beijinho,linda.
isa.

Isa disse...

Vê lá se gostas do poema k deixei da Florbela e do textinho.
Quando posto..ñ fica a poesia como nas outras pessoas.Já falei c/ a minha Irmã e...olha, enquanto ñ aprendo...
Bejinho,bejinho.
isa.

Pico minha ilha disse...

Ficou lindo este cantinho.O poeta, a quadra Natalícia e tudo de bom que podia acontecer se houvesse mais amor pelo mundo fora.Uma abraço com desejos de bom feriado.Salomé

com senso disse...

Amiga Sophiamar

Passo por aqui muitas vezes e apesar de o fazer ultimamente em silêncio, tenho que lhe dizer que fico sempre de alma lavada - e tanto que me faz falta a poesia no meu quotidiano.
Obrigado!
Um beijinho

Isa disse...

Obrigada pela prontidão. Seguirei o teu conselho.Ñ sabia k Florbela tinha vivido por esses lugares.:) Beijinho doce.
isa.

amigona avó e a neta princesa disse...

Ora tens casa nova!!! Beijos minha querida e um abraço...aquele especial...

pinguim disse...

Como é bom associar Torga ao Natal...
Beijinho.

ASPÁSIA disse...

ISABELITA PEQUENINA!

ESTE CANTINHO ESTÁ UM VERDADEIRO PRESÉPIO! ESTÁ TUDO LINDO E VÊ-SE QUE FOI FEITO COM MUITO CARINHO...

MAS DEIXA QUE O MENINO JESUS AINDA TE TRAGA ESSE SONHADO BRINQUEDO, QUE NÃO O QUEBRE... POIS NUNCA É TARDE PARA SONHAR, NEM PARA VOLTAR A SER MENINA!

EU NÃO FAREI PRESÉPIOS NA NET... SABES, PREFIRO EMPREGAR O TEMPO AGORA A REVER E RESTAURAR O QUE AINDA RESTA DOS BRINQUEDOS E LIVROS INFANTIS DE MINHA IRMÃ... ANDEI HOJE DE VOLTA DE PRQUENINOS OBJECTOS DELA, ALGUNS QUE EU ESTOU A VER DETALHADAMENTE PELA PRIMEIRA VEZ... E TAMBÉM PEQUENOS SOUVENIRS QUE ELA TROUXE DA VIAGEM DE FINALISTAS DO LICEU AO CENTRO DA EUROPA... DESSA, ELA REGRESSOU! DA OUTRA, AO BRASIL, +E QUE NÃO, PELO NATAL DE 1972... E DESDE ENTÃO JÁ OS NATAIS AQUI EM CASA PASSARAM A SER TRISTES...

AMIGA, ANIMA-TE, POIS TENS UMA FAMÍLIA LINDA, TENS NATAL, NÃO ESTÁS DOENTE, TENS UMA NETINHA! TENSA AÍ VIZINHOS AMIGOS E UM BONITO JARDIM VERDADDEIRO COM MELROS!

E TENS MAIS ESTE BEIJINHO INTEIRINHO E NÃO QUEBRADO, QUE TE DEIXO, DO CORAÇÃO!

o escriba disse...

Isabel

Querida Amiga, gosto muito do teu cantinho. Está lindo!!!

bjinhos
Esperança

Isa disse...

Bom dia,Amiga.Segui o teu conselho e visitei o blog k me indicaste.
Gostei.Mto interessante.
Hoje terei o almoço c/ tds.A minha irmã do meio chamou a ela essa reunião,desde k os nossos Pais partiram.Este ano é de louvar ainda + pq.será operada ao ombro dia 15 deste mês.Claro k tds ajudam.Mas é de IRMÃ...Comeremos fora.A Maria está quase a chegar.A 1ª menina ao fim de 23 anos.
Beijinhoo.
isa.

elvira carvalho disse...

Neste dia de Nª Srª da Conceição, nossa mãe do Céu, passei para lhe desejar um bom feriado, e deixar-lhe um abraço. E porque hoje também é aniversário de Forbela Espanca, deixo-lhe aqui um poema dela. Penso que gostará.

Navios-fantasmas

O arabesco fantástico do fumo
Do meu cigarro traça o que disseste,
A azul, no ar, e o que me escreveste,
E tudo o que sonhastes e eu presumo.

Para a minha alma estática e sem rumo,
A lembrança de tudo o que me deste
Passa como o navio que perdestes,
No arabesco fantástico do fumo...

Lá vão! Lá vão! Sem velas e sem mastros,
Têm o brilho rutilante de astros,
Navios-fantasmas, perdem-se a distância!

Vão-me buscar, sem mastros e sem velas,
Noiva-menina, a doidas caravelas,
Ao ignoto País da minha infância...

Um abraço

gaivota disse...

minha querida amiga enviei-te um mail, vou com o coração apertado, meio "apavorada"...
bom feriado
um beijão grandeeeeeeeeeeeeeeee

Agulheta disse...

Olá amiga.Lindo o poema de Torga que muito admiro,homem do povo.
Beijinho bom feriado
Da Lisa

O Guardião disse...

Já se sente por aqui o espírito natalício nas imagens e no soneto de Torga.
Cumps

Cheira-me a Revolução! disse...

Bem aqui cheira a Natal...
Kisses

# Ludo Rex

Miguel disse...

Sophiamar,

Obrigado pela visita e parabéns pelo teu espaço dedicado á poesia ...!

Convido-te a participar na minha amostra de presépios ...

Envia o teu ...!

Bjks da M&M & Cª!

Graça Pires disse...

Mais um belíssimo poema de Torga, o nosso poeta. Gosto de todos os poemas de Natal que ele escreveu, mesmo os mais tristes...
Um beijo, Amiga.

Eduardo Aleixo disse...

Obrigado pelo lindo e terno poema cpom que nos mimoseias.
Beijinho.
Eduardo

Menina do Rio disse...

Um poema lindo! Tantas quimeras nos tentam...

Te deixo um beijo de boa semana

Teresa Durães disse...

o natal não é propriamente a minha paixão e confesso que sou um pouco alergica às referências

CNS disse...

Belíssima partilha.

um abraço

Filoxera disse...

Caramba, eu não acredito no Pai Natal. Mas vou esforçar-me por acreditar; pode ser que assim me traga trabalho e harmonia...
Beijos.

SILÊNCIO CULPADO disse...

Sophiamar

Miguel Torga é sempre Miguel Torga com aquele cunho de mensagens fortes que nos tocam fundo.
A outra face do Natal e seus presentes deve sempre ser mostrada, de todos os ângulos, para que não restem margens para papeis de embrulho.
Beijos, amiga.
(Está tudo bem contigo? Os problemas de saúde resolveram-se? Se precisares de mim,diz.)

Zé Povinho disse...

Torga e espírito da quadra, vêm mesmo a calhar para amaciar o que temos pela frente.
Abraço do Zé

Pico minha ilha disse...

Um abraço com um beijinho, fique bem.Uma boa semana.
(((s)))

Tiago R Cardoso disse...

Muito bem, do meu poeta preferido, excelente.

Gostei da do cabeçalho do blogue.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, belo poema de Torga...Espectacular...
Beijos

margusta disse...

Querida Isabel,

...Obrigada pela teu carinho e apoio... Muito Obrigada!!!

Sabes também que não te esqueço nunca!!!

Um beijinho cheio de amizade para ti!

ASPÁSIA disse...

AMIGA, VENHO DEIXAR UM BEIJINHO GRANDE PARA TE ANIMAR!
VÁ LÁ, QUE ESTA SEMANA ATÉ É MAIS CURTINHA...

IÇAR O VELAME!
SIGA A MARINHA!

Ana disse...

Não é por ser triste que se torna menos belo, este magnífico poema de Torga.
Que estejas bem, Isabel.
Um beijo com amizade.

as-nunes disse...

Miguel Torga a chamar o Menino Jesus?
Mas nota-se o seu cunho pessoal, a passar do Naturalista para o Realista, Racionalista.
O Torga é mesmo assim. Brutal na frontalidade do seu pensamento e sentimental no seu olhar a Natureza!
Particvipei activamente no Centenário do Nascimento de Torga, no que se realizou aqui em Leiria, através do Elos Clube de Leiria.
Bom Natal, muitas Felicidades, apesar de ainda nos cruzarmos entretanto, assim espero.
António

Lugar do Olhar disse...

Gostei imenso deste pedaço de ternura.

Obrigada

Um beijinho

Jorge P.G disse...

Já há decorações natalícias! Óptimo!

Um abraço.

aflores disse...

Já "cheira" e "sente-se" o Natal!
Bem hajas!

Grande abraço